piores alimentos

Piores alimentos: 3 alimentos que você precisa tirar da sua alimentação imediatamente, segundo o cientista nutricional Tiago Rocha

Piores alimentos: 3 alimentos que você precisa tirar da sua alimentação imediatamente, segundo o cientista nutricional Tiago Rocha

Ter uma alimentação saudável, não é tarefa fácil com tantas guloseimas à disposição. Mas é possível transformar sua rotina, com pequenas mudanças. Que tal nesta semana, você começar eliminando três ingredientes da sua dieta? Sim, eliminando apenas três ingredientes, a sua vida já foi mudar para melhor. Esse trio, foi considerado os piores alimentos segundo os especialistas. 

Muitos alimentos são extremamente prejudiciais a saúde, mas o óleo de cozinha, o sal e o açúcar são três dos principais vilões que você precisa tirar da sua alimentação imediatamente. Quer saber por que? Explicamos os malefícios de cada um abaixo. Confira:

1. Óleo de cozinha, o primeiro dos três piores alimentos

O óleo de soja, canola, milho, todos são extraídos de vegetais, mas para serem produzidos em grande escala, precisam conter em sua fórmula um composto chamado hexano, uma espécie de solvente derivado do petróleo, éter etílico, etanol, metanol, entre outros. Este solvente é extremamente prejudicial a saúde, pois ele altera o comportamento do alimento e uma exposição prolongada à droga, pode causar dores de cabeça, náuseas, perturbações visuais e auditivas, além de ser altamente inflamável. A base do óleo também possui a chamada gordura hidrogenada, que plastifica a gordura do coração, prejudicando a pulsação e o bom funcionamento do órgão.

Outro fato é que o óleo possui substâncias que quando expostas ao calor das chamas do fogão, em temperaturas acima dos 150 graus, gera compostos cancerígenos, como a acroleína por exemplo, mesma substância que sai do escapamento do carro e na combustão da gasolina. Uma solução é investir no óleo de coco, que apesar de mais caro, não contém essas substâncias e é muito mais benéfico à saúde.

 

>> Veja também: 70 alimentos saudáveis + principais dúvidas respondidas por especialistas

 

2. Sal

Anualmente, 1.6 milhão de pessoas morrem vítimas do consumo exagerado de sódio, segundo pesquisa realizada pela Universidade Harvard, nos Estados Unidos. Não é atoa que ele é considerado um dos três piores alimentos. Conforme a Organização Mundial da Saúde, o máximo de sal que deve ser ingerido por uma pessoa diariamente, são duas mil miligramas. No Brasil, porém, o consumo chega a 3.2 mil por dia. Sal em exagero aumenta o nível da pressão arterial, pois para combater o sódio, o organismo precisa gerir um volume maior de água na corrente sanguínea, desregulando o funcionamento normal do corpo. Com pressão alta, as chances de derrame cerebral são muito maiores. E este mau infelizmente já atinge mais de 55 milhões de pessoas apenas no Brasil.

3. Açúcar refinado

Da mesma forma como o excesso de sal pode causar danos à saúde, o açúcar é outro grande problema, principalmente se consumido de forma exagerada. A Organização Mundial da Saúde revelou em pesquisa feita em 2018, que o brasileiro está consumindo em média 50 % mais do que deveria. Cientificamente já foi comprovado que o açúcar vicia mais que muitas drogas como a cocaína, heroína e o crack. Além disso, consumido em em excesso, prejudica a memória, imunidade, coração e principalmente a diabetes, a doença que mais mata no mundo nos últimos anos. O Brasil registrou crescimento de 12% no número de mortes por diabetes entre 2010 e 2016, mostram dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). Foram 54.877 mortes em 2010 para 61.398 no ano de 2016. O grande vilão? O açúcar. Livre-se dele imediatamente.

 

Quer aumentar sua qualidade de vida? Então baixe o nosso eBook com dicas exclusivas para eliminar o estresse, de uma vez por todas, da sua vida:

 


Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.

Designed using Magazine Hoot. Powered by WordPress.

%d blogueiros gostam disto: