Farmácia homeopática: 2 dúvidas comuns que você não pode mais ter

Quando se vai ao médico ou ao nutricionista e ele (a)  indica um produto manipulado, seja um suplemento, vitaminas ou remédios, pode surgir uma dúvida: qual a diferença entre a farmácia de manipulação e a farmácia homeopática? Essa, entre outras dúvidas, são muito comuns, mas nós vamos explicar tudo para você.

#1 – Diferença entre Farmácia homeopática e farmácia de manipulação

farmácia homeopática

toda farmácia homeopática é de manipulação, mas nem toda farmácia de manipulação é homeopática. A Dra. Leda Barone vai explicar melhor: “Farmácia de manipulação é um estabelecimento que pode comercializar e dispensar remédios e produtos industrializados, mas deve necessariamente possuir um laboratório com equipamentos, materiais adequados e equipe técnica especializada para preparação de fórmulas (também chamada aviamento de produtos), que foram prescritas de forma individualizada ou personalizada por um profissional de saúde habilitado (médico, dentista, veterinário, etc.).

Agora você deve estar se perguntando sobre a farmácia homeopática, não é mesmo? Segundo a doutora, os medicamentos homeopáticos são preparações farmacêuticas com finalidade curativa e preventiva, preparados por uma técnica caracterizada por diluições seguidas de agitações. “Os medicamentos homeopáticos utilizam substâncias naturais – de origem mineral, animal ou vegetal – que possuem elementos causadores dos mesmos sintomas sofridos pelo paciente, seguindo a Lei dos Semelhantes.” Completa a doutora.

#2 – Medicamentos manipulados, magistrias, alopáticos e homeopáticos

farmácia homeopática

São tantos nomes que é normal confundir. Mas nós vamos te explicar certinho sobre cada um deles. Os medicamentos manipulados (também chamados de magistrais) podem ser alopáticos (farmacoquímicos e fitoterápicos) e/ou homeopáticos. Para a farmácia de manipulação poder oferecer os dois tipos de medicamentos, deve ter laboratórios separados.

Além disso, existe um diferencial nas farmácias que manipulam homeopatia. O farmacêutico, responsável técnico que deve estar presente durante todo o horário de funcionamento, deve estar habilitado a manipular medicamentos homeopáticos junto ao Conselho Regional de Farmácia ou Conselho Federal de Farmácia. A Homeopatia é uma especialidade farmacêutica desde 1992 e requer conhecimento da filosofia e da farmacotécnica homeopática.

👉 No caso das farmácias de manipulação e farmácias homeopáticas conveniadas do Manipulaê, você pode ter mais ainda segurança. Isso porque, todas elas, além de todos os pontos anteriores, ainda passam por uma rigorosa seleção interna e pela avaliação dos consumidores. Clique aqui e faça uma cotação gratuita. 💊 💊

Deixe um comentário